Américo iniciou a carreira no Jabaquara, junto com o futuro goleiro da Seleção, Gilmar dos Santos Neves. Foi campeão pela primeira vez no Linense, marcando três gols na final do Campeonato Paulista da segunda divisão, em 1953, levando o time de Lins-SP à elite do futebol estadual pela primeira vez.

Foi o primeiro atleta de um time do interior a se transferir para o futebol italiano, comprado pelo Lenerossi Vicenza-ITA. Na volta ao Brasil, escolheu as cores do Palestra, tendo conquistado como titular o Paulista de 1959 – um espetacular campeonato vencido pelo Verdão após uma série de melhor de três jogos em cima do Santos do Pelé (Palmeiras 1×1 Santos; Palmeiras 2×2 Santos; Palmeiras 2×1 Santos).

No ano de 1959, aliás, Américo anotou incríveis 42 gols, que o colocam no 5º lugar na lista de maiores goleadores palmeirenses em uma única temporada (o recorde é de Evair, que assinalou 53 gols em 1994). Ele é também o 18º na lista geral dos maiores artilheiros da história do Palmeiras.

Américo Murolo 28 de abril de 1932
São Paulo-SP 10 de dezembro de 2014

Posição: Atacante

Número de temporadas: 5

Clube anterior: Lanerossi Vicenza-ITA

Jogos:

176 (111 vitórias, 29 empates e 36 derrotas)

Estreia: Palmeiras 1x0 Jaboticabal (07/09/1958)

Último jogo: Palmeiras 2x1 Ferroviária (16/12/1962)

Gols: 102

Primeiro gol: Palmeiras 7x1 Ituano (28/09/1958)

Último gol: Palmeiras 1x0 Noroeste (25/11/1962)

Principais títulos:

Campeonato Paulista em 1959

Desenvolvido por Foursys